Aventura nos Andes
  • Aventura nos Andes

    REF: 000029
    R$ 19,00Preço

    Os aventureiros são invejados, admirados, chamados de loucos e sofrem alguns preconceitos. Mas para ser aventureiro é preciso ser inteligente. Aventura não combina com burrice.  É não seguir o caminho seguro, pois este não oferece mistério. É por o sol no ombro e ver tudo ficar amarelo. É voar como Santos Dumont. É ser cobaia de si mesmo como Osvaldo Cruz. É ser Yuri Gagarin dizendo que “A TERRA É AZUL”. É ser Pelé fazendo mil gols.  É ser um Guga, tricampeão. Um Victor Hara 4 vezes campeão da  São Silvestre e cada vez melhora a marca em 2 segundos. É ir com o verão para longe, mas voltar aos braços amados da mãe no inverno. É sentir que os cachorros não lhe esqueceram. Espero que você também sinta o desejo de sair dos seus limites e que isso aconteça logo com retorno feliz. “FAZER TURISMO DE PACOTE NÃO É AVENTURA; É DESVENTURA! ARRUME A MOCHILA E BOA VIAGEM!”

     

    Tem que fazer é respeitar a aventura. Às vezes confundo coisas com o nome e isso é crença. Naqueles lugares onde estive se tem que lutar para voltar à vida em terra firme ou pedir ao Pai para ser levado ao seu lado. Lá não há pecado nem ar; só montanhas, desolação, silêncio, frio, muito frio, fome e uma vontade louca de voltar ao natural. Obrigado ao meu JEEP, a coragem que não sei de onde veio, aos guerrilheiros que não sei de onde saíram e ajudaram-me a cruzar o Rio Mauri e a todos que se preocuparam comigo e já organizavam uma equipe de resgate. A solidão foi infinita, as recordações inesquecíveis e o desejo de repetir a aventura... NENHUMA!

     

    É lá encima que se começa a entender muitas coisas incompreensíveis aqui no andar térreo. Daqui de baixo fitar os Andes parece que se está marcando um encontro com Deus. Lá encima se tem a impressão de haver errado o caminho e entrado no inferno. A solidão começa a cobrar altitude zero e desperta desejos: praias, animais, pessoas, mesmo desconhecidas, plantações, barulhos e até coisa nenhuma, mas em terra firme. Lá não existe ateu.  Você sente que está muito longe do chão e muito mais longe de Deus, com quem você não se encontra, mas está em todas as partes. Obrigada ao Pai por haver me resgatado e ensinando-me que o primeiro que o aventureiro...

    Autor
    • FORMATO

      14 X 21 CM

    • ISBN

      978-85-62319-01-3

    • PÁGINAS

      74

    Podemos ajudar?

    Saiba primeiro sobre nossas novidades!

    Home Office | Salvador -BA

    (71) 9 3300-1297 

    Gráfica | São Paulo - SP

    • Ícone cinza do Facebook
    • Ícone cinza do Twitter
    • Ícone cinza do Instagram
    • Ícone cinza do YouTube

    © 2013-2020 Editora Motres Todos os direitos reservados CNPJ: 26.394.677/0001-45